terça-feira, 25 de junho de 2013

Mariana Weickert ensina a montar seis looks usando camisa branca


Mariana Weickert posa para o EGO (Foto: Iwi Onodera / EGO)Mariana Weickert com look de gala composto com uma camisa branca básica
Aos 31 anos, Mariana Weickert já tem15 de carreira no mundo da Moda. Durante esse tempo, teve roupa ajustada por Karl Lagerfeld nos bastidores de um desfile da Chanel e desfilou para nomes como Alexander McQueen, Marc Jacobs, Givenchy e Louis Vuitton. Mesmo assim, a apresentadora não dispensa a ajuda do stylist Tiago Barcellos na hora de escolher seus looks. Discreta, ela evita usar short porque acha que chama atenção e faz o Estilo mais clássico e básico. Tanto que na hora de eleger uma peça chave para o ensaio, escolheu uma camisa br anca.
"Acho extremamente bonito uma mulher com uma camisa bem cortada. É uma peça curinga, toda mulher deve ter no guarda-roupa. Com uma camisa branca você está sempre bem-vestida, ela combina com absolutamente tudo e dá uma sofisticada no visual sem pesar", opina Mariana.
A pedido do EGO e com a ajuda do stylist, Mariana compôs seis looks diferentes usando a camisa branca: para ir ao trabalho, sair com as amigas, ir ao shopping, sair para dançar e até ir a um casamento ou a um baile de gala. Como acontece normalmente em seu dia a dia, ela conversou com Tiago para que tudo ficasse com a cara dela. "Trago o novo, o que acabou de sair da passarela, e a Mari dá o equilíbrio adaptando as referências para as ruas com o seu estilo, que é mais low profile", conta ele, que é responsável por organizar o guarda-roupa de Mariana, fazer compras e até mandar lavar.
Mariana Weickert posa para o EGO (Foto: Iwi Onodera / EGO) 
Mariana em look para ir ao trabalho
Modelo e apresentadora
Depois da sessão de fotos, Mariana senta no sofá da sala ainda com a saia do look de gala e logo deixa todo mundo à vontade contando que sua altura - ela tem 1,80m - foi um fator determinante na hora de escolher (ou ser escolhida) a carreira de modelo. Mas o que pode ter ajudado na profissão chegou a ser um problema na infância.
"Eu fiz tratamento regularmente para parar de crescer quando era criança. Eu me lembro que o médico disse que eu poderia chegar a 1,87m e meus pais me deixaram decidir se eu queria fazer o tratamento, que incluía tomar hormônios sem saber muito bem os efeitos colaterais", lembra ela.  Na escola, além da altura, as sardas eram causa de bullying. "A altura já me incomodou, sempre fui a mais alta na turma e isso é ruim quando você quer pertencer a um grupo. Tenho fotos da adolescência em que eu apareço meio curvada, ou com as pernas um pouco abertas", ri ela, admitindo os truques para parecer menos alta e mostrando descalça como se faz.
Mariana Weickert posa para o EGO (Foto: Iwi Onodera / EGO) 
Mariana Weickert com camisa e short: look
Logo no início da carreira, aos 16 anos, Mariana foi morar em Nova York, mas não tem boas lembranças da época. "Eu não era feliz com a vida que levava lá. Todo mundo vai para a cidade para crescer na carreira, então a cidade tem essa coisa de ganância que não é saudável. Tem uma tristeza, uma frieza. Mas me arrependo da época que morei lá e não usufruí do que tem de bom, de restaurantes, de vida noturna", conta ela, que teve que aprender a lidar com a saudade que sentia da família e dos amigos. "Naquela época, eu trocava cartas com as amigas, demorava um mês para chegar! Hoje, com internet, Skype, Facebook, se bobear quem mora longe tem mais contato com a família que quem mora na mesma cidade", diz.
A volta para o Brasil aconteceu aos 23 anos, quando Mariana veio desfilar na SPFW e iria, na sequência, fazer as semanas de moda internacionais. "Fui adiando uma a uma e acabei não indo mais. Contratei minha mudança de lá por telefone e perdi tapete e outras coisas lindas que a casa tinha, objetos que tinha trazido de viagem... Não tive coragem de ir até lá e encarar a agência, dizer que eu não queria mais", explicou.
Mariana Weickert posa para o EGO (Foto: Iwi Onodera / EGO) 
Este look Mari usaria para viajar
Mulher de sorte
Daí para a carreira de apresentadora foi um pulo. Mariana foi convidada para apresentar programas de verão na MTV e depois fez um talk show com Lobão e Marcelo Tas. Em seguida, ela foi contratada pelo GNT, onde apresenta o programa "Vamos Combinar" que, segundo ela, é seu xodó. Atualmente, Mariana também está no programa "A liga", na Band, onde tem gravado em situações limites, com direito a ficar sob um teto de baratas.
No meio de tudo isso, ela arruma tempo para namorar o empresário Bruno Couri há quatro anos, com quem mora. Filhos também estão nos planos dela, que "sempre quis ser mãe". "Eu brinco que não vejo a hora de virar madame. Rico é quem tem tempo. Se vendesse no supermercado, eu compraria. Mas não reclamo. Sou uma mulher de sorte", afirma.
Mariana Weickert posa para o EGO (Foto: Iwi Onodera / EGO)Mariana Weickert posa com o look composto para sair para dançar

Nenhum comentário:

Postar um comentário